Publicado em 04/11/2021

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Amazonas celebra os 46 anos da IEQ no estado e 70 anos no Brasil em sua Convenção de Pastores

Nos dias 29 e 30 de outubro, sexta-feira e sábado, A Igreja do Evangelho Quadrangular do estado do Amazonas, realizou no Auditório da PIEQ (1ª Igreja, templo Central), em Manaus, a sua 43ª Convenção Estadual de Pastores. Com o tema “Celebrando a História – 46 anos no Amazonas e 70 Anos no Brasil” o evento teve seu publico limitado e reuniu cerca de 300 pessoas dentre estes pastores titulares e conjugues, lideres da igreja e familiares dos postulantes.

A convenção de pastores é um dos eventos mais esperado pelo ministério no estado do Amazonas e, neste ano, ainda em virtude da pandemia do coronavírus (COVID-19), o evento foi transmitido ao vivo através das mídias sociais do estado: Instagram @ieq.amazonas e no Facebook Amazonas.ieq e também pelo canal oficial da IEQ no YouTube: Quadrangular Oficial. Pastores e liderança puderam acompanhar em suas igrejas todos os momentos do evento simultaneamente através das lives.

O evento foi iniciado com algumas deliberações administrativas pelo Presidente do CED-AM, Rev. Manoel Martins, e pelo Secretário Estadual de Comunicação, pastor Evaldo Rocha, logo em seguida, a convenção foi aberta oficialmente pelo pastor, Jandir Rissard, 1º vice Presidente Estadual do CED-AM. Foram dois dias de avivamento marcados pela presença de Deus. O evento contou com ministrações que edificaram todo o ministério.

Na oportunidade o Rev. Manoel Martins entregou a mensagem: “Trazendo à Memória”, baseado nas palavras do apóstolo Paulo, ele convocou a todos a prosseguirem no ministério e firmes na fé. “Todos são chamados para esta grande obra no Estado do Amazonas e você é um construtor para prosseguir os fundamentos já lançados neste estado”, afirmou. O pastor Jandir Rissardi, trouxe uma mensagem de exortação à igreja. Com o tema Compromisso e Responsabilidade”, o pastor usou como base o texto de Jeremias 1. Já 1º Tesoureiro do CED do estado, Pr. Valdenor Saife, ministrou a palavra “Reforma e Avivamento” com base no texto de Habacuque capítulo três, versículo dois que diz: “Aviva Senhor a tua obra, ó Senhor, no decorrer dos anos, e no decurso dos anos, faze-a conhecida; na tua ira, lembra-te da misericórdia”. O pastor foi usado fortemente por Deus para trazer uma palavra impactante sobre avivamento. “Reforma e avivamento estão intimamente interligados. Reforma é a base do avivamento e o avivamento é o resultado da reforma” disse. Ele ainda finalizou “Não há avivamento sem reforma. Primeiro a igreja se volta para Deus em arrependimento; depois a igreja experimenta a poderosa manifestação do Espírito Santo”. 

Os louvores e danças ficaram por conta da equipe da Coordenadoria dos Ministérios de Música e Artes do Amazonas - COMMEQ AM. A finalista do The Voice Brasil, Kids de 2021, Isabelle Ribeiro, também se apresentou durante o evento. Finalizando a convenção o pastor Jandir Rissardi, 1º vice Presidente do CED-AM e Presidente da Comissão de Relações Ministeriais, apresentou os postulantes da 43ª Convenção Estadual do Amazonas, que foram consagrados ( 21 obreiros, 6 aspirantes e 6 ministros) com a benção de seus pastores e liderança e, em seguida, foi celebrando a Santa Ceia ministerial.

Livro e Memorial Claudete Martins

Ainda na oportunidade foi realizado o lançamento do livro: “Claudete, um jeito de ser”, escrito pelo Rev. Manoel Martins, esposo da pastora Claudete Martins (Im Memoriam) e ainda inaugurado o memorial Claudete Martins, localizado no prédio PIEQ (1ª Igreja, templo Central), em Manaus.

No livro encontram-se fragmentos da historia e reflexões da pastora Claudete Martins, falecida no ano inicio deste ano. “O livro não é um romance e nem uma biografia. É uma compilação de textos esparsos que, à medida que se desdobram, mostram fatos incríveis sobre ela. Qualquer capitulo pode ser lido separadamente. O total deles é que revelará tudo sobre Claudete – sobre a pessoa extraordinária que ela é, e o quanto vale a pena conhecê-la, acompanhá-la e aprender com ela”. Trecho do livro: “Claudete, um jeito de ser”. Confira as fotos da 43ª Convenção Estadual de Pastores do Amazonas: